quinta-feira, 10 de abril de 2008

Die Angst des Tormanns beim Elfmeter



A Angústia do Guarda-redes no Momento do Penalti – 1971
Realização: Wim Wenders

Argumento: Wim Wenders; Peter Handke
Director de Fotografia: Robby Müller
Editor: Peter Przygodda
Música: Jügen Knieper
Actores: Arthur Brauss; Kai Fischer; Erika Pluhar; Libgart Schwarz
Produtores: Thomas Schamoni Peter Genée; Wim Wenders
Produção: Wim Wenders Produktion

Título original: Die Angst des Tormanns beim Elfmeter
Língua original: Alemão

Conforme solicitado e a pensar no futuro comentário sobre Peter Handke...

5 comentários:

angústia disse...

"Por que nome chamaremos
quando nos sentirmos pálidos
sobre os abismos supremos?

De que rosto, olhar, instante,
veremos brilhar as âncoras
para as mãos agonizantes?

Que salvação vai ser essa,
com tão fortes asas súbitas,
na definitiva pressa?

Ó grande urgência do aflito!
Ecos de misericórdia
procuram lágrima e grito,

- andam nas ruas do mundo,
pondo sedas de silêncio
em lábios de moribundo."

Cecília Meireles

guarda- redes disse...

"Queria saber
do destino dos anjos

quando voam
no mar
dos nossos olhos"

Maria Teresa Horta
Anjos

Anónimo disse...

Céus, vocês são mesmo poetas fundamentalistas.Sabem que o terrorismo é a arte do exagero ?

paulo anjos disse...

Caro anónimo, acha bem misturar num mesmo comentário as palavras Céus, terrorismo, arte e exagero?

Anónimo disse...

O excesso excessivo é sempre irritante..também acho.
o anónimo exagerado