sexta-feira, 21 de março de 2008

profetas

Profetas falsos vieram em teu nome
Anjos errados disseram que tu eras
Um poema frustrado
Na angústia sem razão das Primaveras.

Porém eu sei que tu és a verdade
E és o caminho transparente e puro
Embora eu não te encontre e no obscuro
Mundo das sombras morra de saudade.

Sophia, Mar Novo

1 comentário:

Visto disse...

Lindo. E da grande Shofia. Em sua memória.