quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

ramo de pássaro fingindo asa de árvore
na calmaria dos olhos infantis
que abraçam a eternidade do mar

6 comentários:

Anónimo disse...

E será pedir muito a partilha do nome o sítio ?

autor disse...

Nada: vista a partir da varanda do casino do Hotel Algarve, Praia da Rocha, Portimão (nota: a varanda é pública... que o Hotel é caro)

PB Pereira disse...

Belíssima foto que casa lindamente com o texto. Belíssimo texto que casa lindamente com a foto.
Mas gosto mais do texto. Profundo e leve como as asas d(e)o pássaro reflectidas nos olhos inundados de mar!

Pedrasnuas disse...

Gostei muito da frase!Linda
Obrigada pela visita!

Passiflora Maré disse...

Lindo, Lindo, de um artista.
Com Imaginação e Pena, quanto baste...

Dedalus disse...

Lindo e intenso. Foto e texto a transmitirem uma beleza muito sentida.