segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Antes do arquipélago e além da insónia

Para começar bem a semana:
Homero? Podia ir...

5 comentários:

Anónimo disse...

Encontrei este blog por acaso. E, por acaso, tive conhecimento de mais uma edição de contos.
Presumo que os intervenientes nesta edição, também passem por aqui e, nesse caso, gostaria de deixar os meus melhores e sinceros Parabéns ao Sr. Paulo Guerra por "O Ladrão das penas". Pra mim, e não desprezando os outros, foi o meu conto de eleição e por ironia do destino (dizem que nada acontece por acaso) encontrei esta possibilidade de o felicitar. Passaram anos, mas, mais vale tarde que nunca. Agora, aguardo com imensa expectativa Os disfarces de Arlequim.
O maior sucesso!

Tricana

AugustoMaio disse...

Cara Tricana:
Reparei que já esteve na Magnólia e assim já reparou nesta nova aventura. Diz muito bem o que diz.
E obrigado pelo desejo.

Elsa C. disse...

Um exercício raro de autenticidade.
Belíssima a expressão "lições de abismo."

ViriatoFCastro disse...

Eu também gostava do Mandrake. Cebolinha nem tanto, dado que era escrito nessa variante tropical da nossa língua, agora com estatuto de um universalismo exagerado.

AugustoMaio disse...

Mas é um pouco chato para quem gosta do Homero, melhor dito, para o próprio. O que leria ele - o Homero, claro - quando era gaiato?!